Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

quinta-feira, 6 de março de 2014

Ei, isso mesmo é com você que estou falando!

Ei, isso mesmo é com você que estou falando!

Sim, você aí que fala de pena de morte, temor a deus, você que é contra o aborto mas se a sua filha engravidar antes do casamento já vai logo assuntar com aquela sua irmã solteira se ela sabe alguma clínica de aborto clandestina, afinal ficaria feio o bafafa na igreja se souberem que a sua filhinha não resolveu esperar, não é mesmo?

Você também é o cara que vota na bancada evangélica ou que vive latindo aos quatro cantos contra a ditadura bolivariana, mas no almoço de domingo solta que sente saudades da ditadura militar.

Com quase a mesma sanha insana que se diz cristão, mas não entendeu direito aquela parte do a Cesar o que é de Cesar, rasgando assim não apenas a carta magna como também cuspindo na cara do mito fundador da sua religião.

Eu sinto um pouco de pena de você, provavelmente mandaria pra cruz ou chamaria de vagabundo um cara de 33 anos que costumava jantar com os marginalizados. E se Pilatos lavasse a mão preferiria Barrabaz, enquanto assistia o julgamento pela TV, sempre com comentários do tipo direitos humanos para humanos direitos, prende e arrebenta. 

Você não sabe, a TV cuidou em te adestrar, por isso você não sabe, mas as palavras que saem da sua boca foram pensadas por alguém, muito mais confortável que você e sua vidinha suburbana de linguiça e cachaça. Alias você muito provavelmente se iniciou sexualmente com alguma prostituta e acha um achincalhe essa história de Maria da Penha, pois sabemos você é o macho provedor, temente a deus, pai exemplar, seguidor da lei, mas que não perde a chance de molhar a mão do guarda se no meio da noite é parado por alguma irregularidade cometida.

E danem-se os muçulmanos, são todos terroristas, mas você também quando se enerva com a vida mediocre que leva da umas pancadas na mulher, mas tudo bem você paga o dízimo, votou naquele deputado indicado pelo seu pastor.

E você muito provavelmente não conseguirá ler isso aqui, 50 anos depois da ditadura você é o fóssil vivo da esquizofrenia de uma sociedade que tornou banal a barbárie.

Vanguarda da Vodka Proletária

Nenhum comentário: