Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Canção de Heitor

Sempre, quase sempre
e nem sempre assim tão constante.

E bem atras da intenção,
toda atenção esconde
o que não se pode revelar.

E então o sonhador volta a sonhar,
um sonho que não é todo sonho

e bem atras do sonho um delirio
que não deixa o sono chegar

Mas sempre, quase sempre
um pouco é o bastante

e mesmo quando sempre
não é assim tão constante

todo instante quer se gritar

que bem atras do sonho,
tem tambem o sonhador

mas a canção nao deixa
o sono chegar.

Nenhum comentário: