Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

domingo, 7 de julho de 2013

Karbala

Não há razão para a poesia,
um soco na cara doeria menos
e faria mais sentido.

As ruas parecem sem serventia,
sem razão, postes, calçadas,
praças, jardins e esquinas,

e agora que fazer da poesia?

Seus olhos profundos,
oceano onde o sol vem se deitar,
espelho azul da lua,

sem voce me faltam os degraus, a rua,
a escada, o mes de março,

qualquer cerveja, qualquer canto,
paraiso ou sei lá onde,

sei muito pouco
e desconfio,
não sei ainda o bastante
mas esbravejo:

Toda a cena começou
ao final de um beijo.

Se bem me lembro: o primeiro

Nenhum comentário: