Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

terça-feira, 7 de maio de 2013

Canção do Rato

Se com o gato o rato vier brincar,
lição disso poderemos tirar
e espero entendam que a contenda pode ser real,
nunca natural e nunca boa

no dia a dia se observa o gastar das horas,
nos nervos opressos e no mecanismo das bocas

O navio que o destino espera
vê no horizonte o sol se por
para ele o inferno é a doca

A liberdade para o rato não é estirpar o gato,
a liberdade é com ele dançar e entender o bastante
para com ele sair e cantar.

Em uma noite como essa uma estrela pode haver
estrela que poucos saibam e no entanto
em algum canto alguem se ponha a descobrir

Mas ates be antes do olhar humano e curioso
a mesma estrela luzia e seguirá a luzir.

A contenda não é quem decide a quem pertence a liberdade,
pois aos vencidos caberá a escravidão

Em casa de enforcado não convem falar de amores,
rezar virtude ao falecido não diminui as dores

falar de azul quando o azul convem
não demonstra conhecer das cores

Se o gato ao rato para a dança chamar
a canção não será a liberdade

A liberdade é cantar.

Nenhum comentário: