Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Anjo de Marmore

Um dia sonhei que acordava seculos adiante,
não haviam sombras ou medos

pelo passeio publico se escutava a canção de amor,
cantada pelas horas e pessoas,

já não haviam coisas,
apenas os sinos
apenas as chances

opções
opções
opções
opções

Ele não te viu sair daquele lugar,
mas estive lá e te esperei por duas horas

Um dia sonhei que acordava distante disso,
um pecado tão pequeno e doloroso
a noite me faz pensar em você ainda

Nunca aprendemos tudo de uma vez, não é mesmo?
ele não estava lá, não é o seu sonho e sim o meu

por isso ele não estava lá

Agora acordei,
paz nos passos
olhos adiante

nas calçadas por onde ando te suponho ainda,
desnuda poesia que ainda povoa o meu sentido

E mesmo com tudo que já disse,
sobram maneiras e jeitos, por favor esbarre comigo por ai.

A atriz teceu o que me entristece
A atriz teceu o que me entristece

seria um prazer o reencontro
dentro de dias ou semanas
e quem mais quer saber?

Por isso aparo a barba, trato da alimentação e sono
nos sonhos eu te vejo, viajo para lugares distantes

e a imaginação se encarrega de ditar isso
em todo canto sou eu, mas te vejo tambem nisso





Nenhum comentário: