Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Egiptologia

Meus desejos estão se diluindo,
piscina de luz onde o sol vem beber,
não faria sentido dizer,
não faria bem. dizer.

Você não fara a Europa ser logo ali,
não recebera em meu passo a força ou a vida.
sei lá, as vezes logo ali vai se distanciando,
até se tornar; eu aqui e você ai.

Guiando um rebanho de sonhos,ordenhando estrelas,
enxugando o céu, as cores dão braçadas no lago de sons,
meus pés descalços, estranha lembrança de me sentir em casa
cada minuto  feito um delírio, todo momento uma só ideia.

Meu desejo feito uma crença, no tempo se diluindo,
olha meu riso, ri da minha cena, pensa como pensei,
não há razão ou estado alterado, capaz de deixar de lado.
O que o tempo é. O que com o tempo se vai.

Não falarei de amor, farei outra metáfora,
pois o amor é a metáfora que a vida conta,
enquanto o corpo escuta e o mundo apenas sonha,
treme, sonha e treme. A vida é uma  explosão neural.



Nenhum comentário: