Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

sábado, 24 de novembro de 2012

Por aí

Cravou os dentes no mecanismo
e seguiu falando, como se a cada palavra
esfaqueasse uma lembrança ou um plano antigo.

Tenho comigo isso, tenho em mim e ao redor,
nós somos arvores que projetam as sombras  pelo chão
no fim da tarde onde cabeças encostadas olham o céu

Acho estranho e sem padrão
mas com frequência me questiono:

Se algum dia ao voltar para casa,
incendiarem o ônibus que peguei?

Como seria isso?
Quais consequências indagariam o meu ser
frente aquele momento?

Pediria perdão se não desse para escapar?
Pediria mesmo se conseguisse escapar?

Ninguém saberia
Me dói não saber,

como fazer e o que fazer?
Nada faz sentido ou fará,
então acho que é isso:

Correr para me aquecer,
acelerar o tempo e ver
diante do tempo correr
dentro dele ser quem se vê

Pois é acho que é isso
e isso já é o bastante
para contar, deixa então seguir
olha pro outro lado agora,
agora eu vou passar,

finja não me ver,
me deixe partir
qualquer dia ao acaso
pode ser provável,
encontrar por ai.


Nenhum comentário: