Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Qualquer dia desses

Qualquer dia desses
(eu já me prometi)

pode ser tarde da noite
e pode as vezes nem ser

Eu apareço ai pra perguntar:

O que você acha das coisas escrevi
(para você)

E não tem mais jeito
haja coragem e aqui impera o medo

A insegurança mais pueril
e os truques mais inocentes

Sem problemas eu sei que dia menos dia vou saber
o que diabos pensa das coisas que escrevo pra você.

E se teu mês é agosto
e se teu signo é virgem
se teu dia é 25...

Teu gosto, teu rosto, os jornais
a vida como um copo de café
as noticias do mundo não importam
pois você mulher
é tudo...

Tudo bem
tudo bem
tem pressa não

E é outro acrostico que vou compor
mais cem estrofes e outra canção

Então, certinho sim?
Qualquer dia eu desatino

( reze por mim)

E pode ter certeza
não vai ser engraçado

se o destino sentar praça em me coroar
pelos versos que eu te escrevi embriagado

os mesmo que um dia quero perguntar:

moça o que você acha
dos poemas que te escrevi?

Sim, dias desses, qualquer dia
eu ponho pé antes da poesia e vou ai te perguntar
o que acha dos versos sobre você
e que não canso de cantar...

Nenhum comentário: