Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Virginiana

As luzes não me deixam dormir
no prisma da espera  meu coração acelera

são tantas horas e mesmo se fossem poucas
é certo que todas as horas
não possuem o peso e a força
dessas que são até você que é o agora.

A euforia saiu pra  me abalar
levou meu sono e trouxe os sonhos
como é doce te sonhar...

Ouvi suas canções enquanto olhava seus pés
dividindo seus fones e tentando adivinhar seu coração

Acordei bem cedo e tomei meu chá
nada demais fatos simples de uma vida banal

Lendo meu jornal e rabiscando um desenho sobre nós
te cogitei como nos traços junto de mim
nós dois a sós até o fim

E as luzes não me deixam dormir
é tanto verso com teu nome
é tanta rima e essa mania

Que no verso de cima
seu nome eu quase que dizia

Lendo meu jornal e rabiscando um desenho sobre nós
te cogitei como nos traços junto de mim
nós dois a sós até o fim

Eu sinto um sonho se aproximar
são meus olhos e meus nervos
essa saudade de teu olhar
e a loucura mais terna em te beijar

Me diga sim
me deixe algum sinal
pois o medo do seu não
levou meu sono

A euforia acenou na esquina
e mandou dizer
que é sobre você essa poesia

Ouvi suas canções enquanto olhava seus pés
dividindo seus fones e tentando adivinhar seu coração

Se faltar coragem que assuma meu posto a poesia
pois em versos como em vida eu te sonho e te sonhei

Pois se aos céus as estrelas  pagam  em brilhar
cuido mais de mim sabendo de você
que essa noite eu quero beijar


6 comentários:

Amanda disse...

Entrei no blog por causa do link que você postou na página da Clarice, me apaixonei e li os outros.
Adorei suas poesias... Principalmente pelo fato de ter uma simplicidade pesada nelas, se você entende o que eu quero dizer... To seguindo :D

Lara disse...

Um dos poemas mais lindos dessa semana!

Regis disse...

Esse poema tem esperança e angustia...

Jessica disse...

Adorei seu blog,fiquei conhecendo pela pagina da Clarice, parabens, li alguns dos seus poemas e os achei incriveis, um tanto desesperados e exagerados, mas ainda sim lindissimos.Entrarei mais vezes aqu.

Beijos...

BrZ disse...

Muito bom mesmo esse poema!

Carla disse...

Poesia boa!