Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

domingo, 1 de abril de 2012

Set list

Posso enumerar seus atributos numa lista das cinco mais. Isso é, como ela costumava ser ou que eu gostava naquela que ela costumava ser, vamos lá ao seu top5.

Quinto:
Seu senso de humor que é seco, porem possui certa empatia, impossível não se contagiar quando ela sorri. Possui o melhor e mais lindo sorriso de todos, sorri com o corpo todo quando está feliz ou se diverte com algo, mas as vezes só com o olhar é possível notar que ela está alegre, ela possui esse poder de sorrir com os olhos, pelo menos costumava possuir esse dom  ofertado aos sinceros.

Quarto
Ela tem caráter. Isso não devia contar como um detalhe que me encantou, mas conta como algo que ela costumava ter e demonstrar, não se trata de um panfleto enumerando suas virtudes e vícios, ela não se importava com o que os outros diziam de você ou de quem quer que seja e podia sentir-se indignada com inúmeras questões esquecidas ou  destratadas, sim ela costumava ter caráter, não que isso seja um dote atrativo ou uma virtude  das grandes, mas é algo que se nota ausente em sua nova fase, a fase gcm.

Terceiro:
O cheiro dela. Adoro o cheiro dela. É um dos mistérios humanos o que um sentido pode nos significar, pois seu corpo tem as proporções perfeitas para que ser chamado de lar, seu perfume me fazia sentir em casa em qualquer lugar.

Segundo
A maneira como ela costumava olhar as coisas, não é que ela não importe ou seja indiferente, ela respeita, dá dignidade a qualquer coisa, apenas pelo fato de ser alvo de seu olhar.  Esse era o encanto dela, seu olhar já era um comentário, antes mesmo de tecer qualquer comentário, já se notava pelo olhar.

Primeiro:
Aquela coisa que ela fazia com os pés, não sei explicar, era como se para dormir ela tivesse que me ninar. Assim era dormir para acordar com aquela imagem dela pedindo meu braço para cobri-la melhor. Sabe dormir junto, revela muito do que somos com o outro e como somos.

Eu poderia aqui também enumerar um top5, de coisas que me deixavam irritado em você, de suas manias femininas, mas seria algo mais geral, nada incomum, coisas banais hoje eu sei, mas que se juntaram até o ponto que é aqui, onde cada desolhar, cada rusga, palavra  dita sem medida previa nos trouxe.

Nenhum comentário: