Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Linha Esmeralda

Um velho cego entra no vagão.
Com seu chapéu de feltro e auto-piedade,
ele acaricia sua cegueira com palavras comodas
e pede um pouco de luz aos seus passos.

Mas eu não gostei muito dele,
pois minha pequena está tão distante,
isso me faz sentir como ele por apenas imaginar,
o que se aqui ela estivesse eu tocaria...

Apenas imaginar o que eu veria esse verão
Apenas imaginar o que eu veria esse verão

Em Mumbai, uma garota serve drinques especiais,
sou mais um, percorrendo a ilusão por sobrevivência.
Apenas meus pés cansados do meu caminho
é a mente que acorda na urgência da véspera
e o coração a palpitar entre as opções,
faz um tempo que o tempo se gastou
somente essa manhã por nascer.

Mas é certo que o amanhã nunca vem
pregar os olhos - depois acordar - é sempre hoje.

Mas é tão claro que o amanhã nunca vem
insone na noite - para ver a manhã nascer - ainda é hoje.

O mistério da noite se descortina nas horas
enquanto a vida imita esse velho cego
acariciando o tecido barato do ego de quem sente pena,
por alguns trocados...

Nenhum comentário: