Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Morte a policia

Não quero dizer abaixo a policia
não posso dizer abaixo a policia
pois abaixo estamos tu e eu
e todos os outros oprimidos
Não posso dizer pois não quero
que junto deles estamos tu e eu
e todos os negros e negras
e ciganos e judeus e árabes
e também os homossexuais
e os nordestinos e também
os jovens que fumam maconha
e todos aqueles que são superexplorados
no centro ou na periferia do capital
Portanto não direi abaixo a policia
direi morte a policia do mundo
que sequem as tetas do opressor
onde o repressor se alimenta
e apodreça o trono 
e o cão que o guarda morra
Por isso não posso dizer abaixo a policia
pois o sistema que a criou
pôs em baixo tu e eu
todos aqueles como nós
explorados e oprimidos
no centro ou na periferia do capital
a mercê da repressão
que sacia a sanha do opressor
Um dia haverá eu sei
que todos saberão bem
e quando esse dia chegar eu bem sei
não haverá como conter
a onda gigante a derrubar
opressão
e sua repressão
o repressor sentirá
o medo que causou
a aqueles sem casa
e também
os sem direito a dignidade
enfim se farão ouvir
e o repressor correrá
mas o medo que causou
contra ele vai se rebelar
Por isso eu não posso dizer
por isso eu não digo 
abaixo a policia
abaixo estamos nós
nós os explorados
nós que somos tu e eu
abaixo estamos nós
e é justamente entre nós
que eles não devem estar
Por isso eu digo
por isso eu grito
morte a policia do mundo!







Nenhum comentário: