Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Carta para minha mãe ( sobre a USP e o governo Alckmin)

Querida Mãe...

Mãe tou escrevendo só agora para você, mas não se preocupe não eu não estou entre os 70, mas tem muita gente boa lá, queria estar lá, mas não estou viu mãe, dá uma indignação tremenda dentro da gente em saber que o Brasil é o pais onde lugar de gente boa é sendo perseguida pela policia, acender um é mais engenhosamente maligno e chocante do que assaltar um banco, inclusive mãe que pena eu não estar lá com aqueles 70, se estivesse tenho certeza você diz que não, mas ia lá correndo me dar biscoitinhos de polvilho com aquele suco de acerola e o pai então diz que não também ,mas lembro dele todo babão quando aprecia nos jornais aquelas matérias sobre os movimentos que eu fazia parte, mostrava para os vizinhos e pros colegas de trabalho é dizia olha ai o meu filho tem a cabeça meio torta, mas pelo menos tem coragem e vergonha na cara. Pois é mãe, faltou vergonha na cara do senhor governador Geraldo Alckmin, o cara vem a publico e diz que essas pessoas deviam ter aula de democracia, perai mãe não foi ele que pediu de presente a o pai dele assim que terminou o curso de medicina, a prefeitura de Pindamonhangaba?E isso não foi nos anos de chumbo?Cara tem alguma coisa errada ai, aula de democracia, quem deveria ter é ele,desculpa mãe o desaforo, deu uma vontade daquelas de tomar uma amarga e sair dando na cara de cada um deles, mas isso não resolve, sara o tapa,eu vou preso não é mesmo? Afinal eles são autoridades e desacatar o povo okay não vai dar cadeia para eles, agora vai um filho de mãe como eu desacatar pra ver, trisca pra ver se não inflama loguinho loguinho...
Quer dizer manda polícia bater, pois ele quer mais policia, mais policia para que, para bater mais?Mãe e os jornais, os jornais mãe tou quase vomitando quando vejo a Veja, dá aquela dor no canto esquerdo do abdômen,aquela nauseá quase se esta para desmaiar, acho que a Veja pulou de revista que ajudava os torturadores na ditadura ,para a tortura impressa...Inclusive essa especie de tortura deixa sequelas, lembra do  tio Guimarães que não é meu tio na verdade, mas a família lembra? Aquele que andava meio com a cabeça no mundo da lua? Pois é ele é assim pois foi torturado,todos sabemos todos os pormenores, agora a Veja e sua tortura impressa, deixa outro tipo de sequela, aquela que todo mundo que lê acredita que esta lendo uma revista realmente e joga no lixo todo o seu possível senso critico. O tio Guimarães num tem mais recuperação, tá velho anda falando sozinho, e os leitores da Veja mãe será que ainda tem? Por que me dá uma vontade louca de meter um soco no ouvido dessa gente que hora dessas tou com umas a mais na cabeça e dai já viu, me segura senão me espalho mãe...
Poxa policia no campus, moralismo barato, mãe você me ensinou que valemos o que pensamos lembra? Poxa começo a achar que agora só quem tem algum valor mesmo são aqueles 70 lá dentro do ônibus, e aqueles que resolveram entrar em greve na USP, quer dizer superfaturar em campanhas pode, desestruturar a educação desde seus níveis mais básicos ate a universidade okay, agora se fumar um baseado você logo é um marginal, um louco pronto a por fogo em todo o status quo? Lembra a crise quando você pegou a primeira paranga no meu bolso? Foi uma crise, mas ai tudo se ajeitou, mãe eu já pus fogo em casa depois que a senhora descobriu que eu sou usuário? Tudo bem eu realmente quero incendiar o status quo, mas isso vem de desde antes de começar a fumar maconha? É mãe começa assim policiamento no campus, depois agentes infiltrados, mãe ia falar do maio de 68, mas a senhora nunca entendeu direito, mas os anos 60 representaram algo mais alem do que os Beatles, a juventude esta ai e temos que contestar esse é o nosso legado, tentar mudar e seguir tentando, mas poxa suprimir liberdades? Isso vai contra os princípios mais básicos da chamada democracia, querer criminalizar algo que inclusive já nem é mais criminalizado quando de porte do usuário, é mãe é chá de cidreira e aquela calma, pois tá difícil viu mãe...
Sabe mãe vou fazer o seguinte vou pedir para uma turminha de alguma escola rural do MST, alguns alunos mesmo, desses que acordam cedo e estudam nos barracões de lona preta?Esse mesmo mãe que nunca perdem a ternura de sorrir mesmo tendo de ir pelas beiras das estradas de tempos em tempos fugindo de grileiro e outras cocitas más, para ensinarem ao governador como se faz democracia, e o que é liberdade, pois policia que bate em estudante também bate em trabalhador, também bate em gays, enfim sai batendo em tudo quanto aparecer na duvida mata ou prende, essa é a logica da policia militar, universidade mãe não era para ser um lugar de debate? E o estado entra como um troglodita batendo e reprimindo eis a contribuição bem empregada de nossos impostos...

* Homenagem as famosas cartas para a mãe que Henfil escrevia nos tempos da reabertura politica

Nenhum comentário: