Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Isabella VI

Eu quero tocar sua mão agora
não apenas tocar sua mão
eu quero de sua boca ver florir um beijo
eu quero um beijo seu sim

Num parque ao sol de um céu só nosso
entre seus olhos me encantar com seu olhar
e me deitar tranquilo em seus braços
e sentir o carinho definitivo

Ver florir o dia dentro da certeza
passear em sua vida que agora é o meu caminho
sentir seu corpo sentindo o sol
me perfumar com seu cheiro minha querida

Você para mim é a vida sorrindo
espero vê-la quando esse poema ler
ouvir sua voz ao telefone quem sabe
para fazer o dia correr mais feliz

Pois como eu quero dia desses te levar comigo
quem sabe um parque e depois jantar
sentir seu rosto bem pertinho corar
com aquele beijo que eu quero tanto te dar

Então pequena por isso eu fiz esse poema
cheiro de quadras e rimas e poesia
eu que sempre um sonhador
tanto sonhei e agora enfim eu te encontrei

Minha morena minha pequena
me deixe ser seu agora
sim como é tão linda e 
o nosso tempo é toda hora

Venha comigo pegue a minha mão
sim...Sim...Não solte a minha mão
que meus olhos só querem juntos aos seus
num beijo eterno de amor se fechar

Você que é linda como sol
manhã de sol teus olhos são a luz
a invadir meu mundo e iluminar
me faz querer correr até o sol está

Lua como se rua fosse apenas brilhar
mas é que a noite é apenas a metáfora
para beleza escura de seus cabelos longas redes
que tecem meu destino

E eu me redescubro como um menino
entre seus toques suaves de amor então me beija agora
beija esse poeta que só sabe cantar o amor
e essa canção é uma canção devota

De quem um dia achou que não havia mais amor
e descobrindo assim você
redescobriu olhar o mundo
e de sua beleza a esperança se espalhou em tudo

Sim você que é linda feito o mar
incansáveis olhos onde a vida veio me dizer
sim acho que a vida agora é você
e sinto isso ao te ouvir dizer meu nome que fica bem melhor na sua voz

Como se minhas mãos querem tocar seu corpo
se minha boca tem a sede do seu gosto
e meu peito quer fazer casa bem juntinho do seu
não sei bem ao certo se é certo sentir assim

Mas quando penso eu só penso em ti
e o meu pensamento brincando de sentir
se sente mais como se tudo fosse um sonho
e sim como é doce sonhar com você

Minha pequena e doce
venha comigo em minhas mãos
num beijo de amor que eu quero te dar
sinto o seu perfume e posso imaginar

Que em seus sorriso eu posso também sorrir
sim como é doce o doce dos seus beijos
que me embaraça e me deixa ao meio
tudo em mim quer te pertencer

Minha pequena por favor venha comigo
meu corpo de seu corpo é cativo
me faz feliz assim se me deixar ser seu
pois você que é linda como o sol

linda como a manhã das cores
cuja beleza é maior que a liberdade
sim você que eu já conheci amando
pois os seus olhos são a flor do encanto

As negras redes noturnas invejam seus cabelos
as brancas nuvens sua pele suave
como não te amar
se você é um sonho pra mim

Sim seu nome agora eu posso cantar
a mais linda canção na terra a ecoar
como se a vida toda fosse apenas um motivo
e sim é apenas um motivo pra te amar e fazer do seu corpo o meu abrigo

Minha pequena me deixe te levar comigo
meu grande amor
meu doce motivo doce milagre de olhos iluminados
sim eu confesso estou apaixonado por você...

Um comentário:

Isa disse...

Bom dia, meu amor!
Começando assim meu dia já está perfeito *-*
Saudades♥