Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

quarta-feira, 23 de junho de 2010

estou surpreso

Este ébrio torpor que à mim colore
a mente... pois , é fato, estou surpreso
não esperava adentrar firme e sair ileso
por mais que em sutilezas a dor se escore
silente... sou livre a dizer que estou preso

Conto-vos minhas fantasias temperadas
de passado múltiplo e ímpar e diverso
e mais, poderás juntar-te às minhas vagas aladas
e abraçados cantaremos o subverso
estes tem escudos e espadas.
ou então...escolha outros homens ou versos.

E bem...fugaz e doce, em minha face escorre
porém...de fato, estou contente
não esperava orações pagãs junto aos crentes
vê-se cada vez mais o fulgor que não morre
muito além: sequer sente estar doente.

A Verdadeira Face do Santo Padre e sua Igreja


Este jovem, com cara de pouca conversa e bavara seriedade a executar a saudação nazista, nada mais é que o Santo padre, a saber: Bento XVI, o mesmo que durante muito tempo colaborou para exterminar as vozes mais humanas na Igreja catolica o mesmo que financiou o espetaculo dantesco dos carismaticos e tudo isso sem falar em fazer defesa aberta da Opus Dei, sim a mesma, Opus Dei que ajudou os falangistas(fascistas espanhois), aconselhando seu padres e membros leigos a deletar desde pais e outros familiares a até revelarem o que lhes fora dito em segredo de confissão.Aos bonzinhos que insistem em levar adiante, o discurso do deixa disso, quero lembrar que a mesma igreja, que na idade media queimava os elementos diferentes de sua fé, ou até mesmo os forçava a se converterem a força (caso do meu povo), é a mesma que apoiou o Nazismo na Alemanha, que fez acordo com o Fascismo na Italia e que viu milhares de homens queimarem nos fornos e só bem depois veio pedir perdão, é a mesma igreja que anunciou na idade media que os negros não tinham alma, a mesma igreja que tenta acobertar tudo isso, mas quando alguem insiste em lembrar apenas pede desculpas, como se desculpas fizessem dores impressas na alma dos injustiçados sararem imediatamente.
Vejam fotos da igreja colaborando com o nazismo:



Sobre Revolução

Ouço todos os dias como quem ouve a chuva
retalho leve do cotidiano
corte certeiro a gosto do freguês
que se vende demais para poder comprar
prostituindo sua alma e honra
pessoas faceis demais
e suas palavras dificeis demais
seres longe de serem humanos
seres distantes de seu vagar idealizado
hipocrisia que se traveste em utopia
pouca ação
muita conversa
e eu me cansei
de cuspir em faces que não revidam
em estiletar dignidades inexistentes
muitas palavras para quem não sabe sequer ouvir
surdo soco no vacuo contra a vaidade
peças de fabrica arremessadas
contra a santa burocracia
suas ideias sujas estuprando o bom-senso alheio
esquece a vida e violenta a verdade
palavras dificeis quando o centro
é sempre a sua hipocrisia
jovem demais
e pouco relevante
eu não sei falar como um bom professor
jovem demais e eu não consigo me antenar aos neologismos
e mesmo que mil mentiras currem o cotidiano
mesmo isso não fará com que adiante
eu não seja o cartaz que acusa
e fere com gosto e alegria
sempre estaremos aqui para dizer
por todos os dias
que voce é a mentira
e nós somos a Revolução.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Sobre o ataque a frota ou a opinião de um judeu anti-sionista


"Se eu me esquecer de ti, ó Jerusalém,

que se resseque a minha mão direita.

Apegue-se-me a língua ao paladar,

se não me lembrar de ti,

se não preferir eu

Jerusalém à minha maior alegria."

Oração dos tempos que

meus antepassados eram escravos na Babilonia



Acredito firmemente que aqueles que tem ouvido na midia internacional o caso do ataque a frota naval dita humanitária, devem antes de mais nada se atentarem: a) O governo turco é o mesmo que encobre até hoje o genocídio Arménio igual em insanidade ao Shoa (holocausto) perpetrado pelo Eixo Roma-Berlim-Tóquio,governo turco que todos os dias massacra sua minoria curda e cigana dentro de suas fronteiras negando-lhes o direito a cidadania turca no caso dos ciganos e também negando lhes direito a soberania e independência no caso dos curdos, governo turco que esta do lado do maníaco presidente do Irã que mata Homossexuais em apedrejamentos em praça publica assim como condena Mulheres vitimas de estupro a chibatadas. b)Agora quanto a principal promotora desses ocorridos e que se aproveita de modo oportunista a rede All Jazeera, vocês sabem o que essa TV passa em horário nobre? Pois bem direi cenas como execuções sumarias e coisas da mesma natureza. Vale lembrar também que movimentos extremistas, como o Hamas, realmente se utilizam de subterfúgios e disfarces para driblar o conflito e fortalecer seu arsenal tendo como base o mercado ilegal de armas acobertado pelo governo Saudita,governo saudita que é dono do canalzinho ai citado.
Solidarizo com todos os palestinos e todos os judeus, ambos vitimas da mesma mazela, não creio em simplismo internacionalistas baseados em chavões cliches demais,pois os mesmos dão vazão para o anti-semitismo que desatentando de uma critica minusiosa dos fatos, pois o mesmo cliché faz criar sob tanto povo árabe, palestino, judeu os preconceitos muitas vezes generalistas que chagam ao extremo de por exemplo de em determinada universidade um estudante não poder utilizar um utensílio de seu povo sob a pena de ouvir e ver gente até que bem instruída apontar e dizer coisas que dão ideia que todo judeu é matador de palestino(não entrarei aqui em detalhes, todos sabem do que e de quem falo).
Como judeu religioso sou anti-sionista mas temo bastante o anti-semitismo que alguns chavões podem em algum momento vir a encorajar, Israel vem massacrando dezenas de milhares de palestinos, mas também vem entregando a fome milhares e milhares de seus filhos que de todo mundo vem em busca de cumprir um dos preceitos básicos que é retornar a terra de nossos pais, Israel como todo e qualquer governo é autoritário e injusto, recomendo que procurem militantes de esquerda em Israel e acharão em proporção o mesmo numero que aqui e os perguntem ,perguntem as dezenas de organizações de esquerda ou aos judeus comunais dos kibutz (fazendas coletivas) qual a opinião deles sobre esse estado de coisas e eles responderão certamente em grande maioria com precisão que judeus e palestinos são semitas portanto não há razão para existir um estado para judeus e outro para Palestinos, o que urge é sim derrubar dos dois lados aqueles que baseados em um discurso ''religioso'' ou nacionalista tentam separar-nos, existe extremismo dos dois lados e isso é insanidade negar, vitimas também e não vou cair na conversa fácil de comparar números, pois um filho morto para um pai tem o peso de um genocídio certamente e não são so judeus ricos e nem os Sheiques do petróleo que pagam a conta nessa equação Demoniaca, mas sim os pobres que servem como pretexto de ditas ajudas humanitárias ou mesmo para amarrar bombas ao corpo no lado palestino,ou mesmo que são obrigados sob pena de prisão e apatriação daqueles que não servirem ao exercito dos 16 aos 21 e depois disso 3 meses por ano até os 40 anos para cidadãos que não ultrapassarem determinada renda ou que não possuam carreira relevante ao Estado (relevantes: professores,policiais,religiosos de variadas vertentes e movimentos, políticos e suas famílias) no lado israelense.
Portanto peço bastante cuidado e ressalto aqui todo o meu apoio ao povo arabe e ao povo palestino e também ao povo judeu, agora não me peçam para defender o Hamas pois não defenderei, assim como não defendo as Forças Israelenses, e termino aqui ressaltando que anti-sionismo é uma coisa e anti-semitismo é outra, ser pró- semita significa ainda mais que ser anti-sionista pois antes de um lar só para os palestinos ou só para os judeus,é acreditar que a palestina é o lar de origem de palestinos e judeus, e ambos tem o mesmo direito, tentar iniciar uma discussão de qualquer maneira assim, contribui para muitas coisas, entre elas uma bastante ruim que é o preconceito, peço para que ao postar noticias façam uma discussão no mínimo,afinal jornais até falam por si só, mas dependendo dos interesses que esse jornal esta a serviço como é o caso do governo turco e do governo saudita, é lamentável que não haja sequer um textinho dando o posicionamento e quem postou(partidos, movimentos e outras organizações),que espero não ser fixado em jargões.
Digo isso com a experiência de quem, ja foi vitima algumas vezes de um preconceito, gerado exatamente apartir de discussões que não propunham um aprofundamento, digo isso como judeu antes de tudo e também como militante,pois o governo de Israel é bem diferente da opinião de varios judeus espalhados pelo mundo, assim como eu.

Shalom