Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

sábado, 22 de novembro de 2008

Branco demais

Poema para uns tipinhos tipicos nas universidades


Somos brancos demais
e conservadores
pra que acordar cedo e panfletar

Somos brancos demais
e intelctuais demais
pra que sair em passeata

Somos brancos demais
e lemos marx demais
pra que o trabalho de po-lo em pratica

somos brancos demais
e é bem melhor comentar
pra que lutar a luta que não é minha

afinal não sou classe operaria
sequer sou classe
filho da classe media
branco demais
moderno demais

Somos brancos demais
e eu vou ler engels
e criticar trostsky até o final
e fazer cena com cinema
para conquistar menininhas ingenuas

Somos brancos demais
e foda-se os soviets
eu quero andar com meus patins
e foda-se a greve geral
não vou ocupar reitoria
estou preocupado em inventar insultos
vanguardistas baratos

somos brancos demais
e tão afeminados
e sempre tão moderno
e sempre tão honesto
e tão intelectualizado
esclarecido como um professor

somos brancos demais
e a causa popular
não é minha causa
afinal sou branco demais
e gosto de comentar a revolução
que eu devia fazer
se tivesse alguma vergonha na cara

Nenhum comentário: