Aos comentaristas


Devido uma avalanche de comentarios torpes e não identificados, decidimos que só aceitaremos comentarios devidamente identificados e que não contenham mensagens ofensivas, alias se comentar e se identificar, serão permitidas as ofensas. Quem quer debater, tem que ter coragem de se mostrar para que o debate ou critica seja fdemocratico! Okay cara palida?

domingo, 6 de abril de 2008

apenas pra notar

com a relva enquanto sorrias e te misturavas , com as abelhas

apenas pra notar que a noite estrelada recorda teu nome

chamei-te: teus olhos ora âmbar ora avelãs ou cor que some



reparei que ha novas flores nos teus cabelos feito centelhas

são poucas mas soam sinfonicas junto a admiração silente

chamei-te: teus cabelos ora floridos ora estrelados, dor ardente



enquanto eu chorava soube de vida brotando entre os ladrilhos

é pouca, mas nota-se o amanhã simples que foge às medidas

e ao fugir minhas lágrimas, regaram recordações floridas



com a névoa enquanto sorrias e te misturavas , com seus brilhos

apenas pra notar que as flores prosseguem nos meus clamores

chamei-te: estrelas, flores ou lágrimas, não mais fonte de meus amores.

Nenhum comentário: